banner blog ebook fluxo caixa 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

 

O Fluxo de Caixa é como o pulmão financeiro de uma empresa. Para que o seu empreendimento respire bem e tenha fôlego para voar mais alto, o controle eficiente do Fluxo de Caixa é fundamental.

Já explicamos aqui no blog o que é o Fluxo de Caixa. Agora chegou a hora de detalhar e melhorar o nosso controle. Isto dará uma vantagem enorme para sua empresa: a capacidade de aprender com o passado e prever o futuro do caixa. Vamos lá?

Quanto mais você dominar o assunto melhor será para a empresa. Por isso, aproveite para baixar o eBook gratuito: 5 segredos para um fluxo de caixa perfeito.

5 passos fluxo caixa 1200x630 post 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

 

Você não precisa de uma bola de cristal para prever o futuro! Você só precisa registrar todas suas movimentações financeiras assim que elas acontecem.

Veja os 5 passos que irão te transformar em um verdadeiro mago dos números:

1- Escolha um período para controlar

Para começar o seu planejamento você precisa definir qual período você irá controlar. Este período será o período que a sua “bola de cristal” irá funcionar.

Que tal fazer a previsão dos próximos 12 meses?

periodo controle 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

2- Saiba qual o saldo de todas as contas da sua empresa

Reúna todos os saldos da sua empresa neste exato momento. Contas bancárias, cofre, caixinha administrativo, enfim todo dinheiro disponível na sua empresa.

Anote este valor. Este número será o ponto de partida do controle do fluxo de caixa da sua empresa.

saldo inicial controle 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

3- Registre todas as contas a pagar e a receber

Anote todas as contas que sua empresa tem para pagar aos seus fornecedores e todas as contas que sua empresa tem para receber dos seus clientes.

Este é o grande ponto para saber o que virá pela frente.

Se sua empresa comprou ou vendeu a prazo é preciso acompanhar os vencimentos de perto. Evitar pagamento de juros e multas por atraso e receber dos seus clientes em dia devem ser regras dentro da sua empresa.

Por exemplo, se sua empresa comprou um equipamento em 10 vezes, anote as 10 parcelas no seu fluxo de caixa, assim, você já verá que nos próximos 10 meses parte do seu caixa está comprometido com o pagamento do seu fornecedor.

Você deve fazer o mesmo com as contas a receber.

Dica extra: Se sua empresa trabalha com o modelo de receita recorrente, não deixe de conferir: 5 dicas para controlar o recebimento de pagamentos recorrentes. 

entradas saidas caixa 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

4- Atualize o Fluxo de Caixa, agora!

Anote todas as entradas e saídas de dinheiro que acontecerem no caixa da sua empresa no momento em que eles acontecerem.

A correria do dia-a-dia é a principal justificativa para anotar depois. Esta é uma armadilha perigosa e uma das causas do descontrole financeiro.

Criar o hábito de anotar tudo será muito bom para o controle financeiro da sua empresa.

Desta maneira, você poderá consultar seu fluxo de caixa a qualquer momento com a certeza de que os dados anotados estão corretos e atualizados.

atualize caixa 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

5- Analise e corrija o planejamento financeiro

Com os dados do seu fluxo de caixa atualizados você pode identificar com bastante antecedência o que irá acontecer com o caixa da sua empresa.

Neste exemplo, se a empresa não vender mais ou não negociar o prazo de pagamento nos meses de Fevereiro, Março, Maio e Agosto, o saldo operacional ficará negativo, ou seja, será preciso recorrer ao dinheiro guardado ou até mesmo a empréstimos para manter o saldo dos meses positivos.

Ter esta informação pode te ajudar a tomar a melhor decisão num período de dificuldades.

Aproveite para se aprofundar em Planejamento Financeiro e confira o Webinar que realizamos sobre o assunto. Veja como definir objetivos que vão guiar suas ações em busca do sucesso.

saldo operacional negativo 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

Conclusão: o segredo do caixa saudável

O grande segredo para manter a saúde do caixa da sua empresa é a disciplina para registrar todas as movimentações financeiras.

Nesta hora, usar uma ferramenta adequada pode ser fundamental. Existem diversas ferramentas que podem te ajudar neste controle.

Além das tradicionais planilhas eletrônicas, nós recomendamos o Granatum Financeiro . A partir dos dados que você mesmo registra, ele oferece uma série de relatórios para que você consiga fazer o controle financeiro da sua empresa de forma rápida e fácil.

 

banner fluxo caixa 728x90 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

 

Um desses relatórios é o relatório de fluxo de caixa. Com ele você pode ver o que irá acontecer anualmente, mensalmente e até diariamente com o caixa da sua empresa, sem complicação, com apenas alguns cliques.

fluxo de caixa 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa

Se você ainda tem dúvidas se um software financeiro pode te ajudar, recomendo a leitura deste post:

 

A melhor ferramenta é aquela que se adapta à rotina da sua empresa. O Granatum Financeiro vem evoluindo constantemente e tem uma equipe de atendimento que está sempre pronta e disposta a te ajudar.

Espero que as dicas tenham ajudado. Se quiser saber mais sobre Fluxo de Caixa, baixe o eBook que disponibilizamos logo abaixo!

Um grande abraço e até a próxima!


banner blog ebook fluxo caixa 5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa
Fique atualizado!
Gostaria de receber mais dicas no seu e-mail?

16 comentários para “5 passos para controlar o Fluxo de Caixa da sua empresa”

  1. Aristides

    “Valeu as orientações, pois aprendi bastante e foi muito esclarecedor todos principais pontos os quais eu tinha minhas dúvidas, a direção da instituição em conjunto com a sua equipe de profissionais estão de parabéns”.

    Responder
  2. eliane

    nossa vcs estao mim ajudando bastante pois nao sei nem por onde começar a administrar a parte finaceira da minha empresa!!

    Responder
  3. silver account

    Um exemplo: se uma pessoa recebe $ 5.000,00 mensais (ou $ 60.000,00 anuais), e gasta algo equivalente a isso com as despesas correntes, seu fluxo de caixa é de igual valor. Com esse fluxo de caixa ele poderá se planejar para o futuro de curto prazo, ele também estaria impedido de tomar empréstimos vultosos, comprar bens de alto valor ou empreender projetos acima de $ 100.000,00, por exemplo. Para uma entidade jurídica, essa medida de fluxo de caixa é idêntica. Portanto, o fluxo de caixa “mede” o valor do negócio em que a empresa vem operando.

    Responder
  4. Romoaldo

    Gostei muito do seu Blog, muitas pessoas começam um negócio, mas não tem o conhecimento básico para gerir as finanças. parabéns por oferecer de forma gratuita uma consultoria básica para quem estar planejando, ou que já tenha um pequeno negócio.

    Responder
    • Flavio Logullo

      Muito obrigado Romoaldo!

      Temos trabalhado bastante para criar conteúdo que ajude as micro e pequenas empresas a crescerem. Quanto mais informação for compartilhada mais oportunidades de negócio serão criadas.

      Obrigado por acompanhar o nosso blog e enviar seu comentário. Continue participando!

      Responder
  5. Osly

    Acho o sistema Excelente, porem o meu caso e outro, pois gostaria de term em controle das minhas contas pessoais, pois não tenho Empresa, se for possível me ajudar nesse sentido eu agradeço

    Responder
  6. Aílton Freire

    Boa dica!!!
    O que parece ser simples, na verdade é a base da estrutura financeira de qualquer organização.

    Responder
    • Flavio Logullo

      Obrigado por acompanhar o nosso blog, Ailton!

      É verdade, estas dicas são úteis para qualquer organização, independente do ramo, setor ou porte.

      Vale lembrar que um grande número de empresas ainda fecham as portas por deixarem de lado o controle financeiro. É simples, basta um pouco de disciplina!

      Continue enviando seus comentários.

      Um grande abraço.

      Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1.  O que é capital de giro?

Deixe uma resposta para Romoaldo Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>